Publicado em

Ghosts’n Goblins é eleito jogo MSX do ano de 2020

Ghost'n Goblins é eleito jogo MSX do ano de 2020 | Revista Clube MSX

O MSXBlog.es, organizador do MSX GotY 2020, divulgou nesta sexta-feira (5) a lista de resultado da votação para eleger o jogo MSX do ano de 2020. Recebendo 104 votos, a adaptação para MSX do clássico da Capcom Ghosts’n Goblins ficou em primeiro lugar, seguido de The Menace de Triton (vencedor da MSXdev’20), de Santiago Ontañón, e SHMUP! Kai, de Imanok. Na quarta posição aparece Relevo’s Snowboarding (segundo lugar na MSXdev’20), da RELEVO Videogames.

Ghost'n Goblins é eleito jogo MSX do ano de 2020 | Revista Clube MSX

O jogo de corrida Endurance, de autoria de Fabio Ritter, e o puzzle platformer Yazzie MSX Remastered (Retro Souls + FRS) foram as produções brasileiras que mais receberam votos, ficando, respectivamente, nas oitava e nona posições (parabéns, Ritter e FRS!). Outros títulos nacionais figuraram no top 30: Alien Attack (Marcos Daniel Blanco) ficou na vigésima posição; War from Beyond (Clube MSX) em 21º; Jewels (Clube MSX) em 24º; Bloody Mary (Lady DarkBite) em 25º; Mystery City (Rogério Biondi) em 26º e Pacific (André Baptista) em 28º.

De acordo com o MSXBlog, este ano um total de 187 pessoas participaram votando em seus jogos preferidos de 2020. Veja o resultado completo da votação aqui.

EM TEMPO:

MSXdev’21 inicia período de inscrição de jogos
War from Beyond: promo video no canal da Clube MSX no YouTube
Garanta já a mais nova edição da revista Clube MSX

 

Publicado em

Mystery City: adventure brasileiro para MSX2 e ZX Spectrum Next

Mystery City: adventure brasileiro para MSX2 e ZX Spectrum Next | Revista Clube MSX

“Outro cigarro e uma dose de uísque. Seria uma noite fria e solitária como qualquer outra, se eu não fosse chamada para investigar um assassinato engenhoso no Hotel Casablanca…”. Assim começa Mystery City, novo adventure em português criado pelo brasileiro Rogério Biondi para MSX2 e ZX Spectrum Next e distribuído digitalmente pela Loopdigital (o autor não cobra nada pelo jogo, mas, no bom e velho esquema “Name your own price”, você pode enviar a quantia que desejar para ele, a fim de estimular a produção de novos jogos).

Mystery City: adventure brasileiro para MSX2 e ZX Spectrum Next | Revista Clube MSX

Inspirado nos filmes noir, Mystery City nos coloca na pele de Thomas Falken, um detetive de polícia aposentado. Enfrentando a crise da meia idade, divorciado e longe de seus filhos, o protagonista se vê cansado de lidar com casos comuns, como roubos e adultérios. No entanto, sua vida monótona muda quando ele recebe uma ligação para investigar um assassinato que se mostra muito mais complexo e profundo do que qualquer caso comum que ele já tenha pego. E onde aconteceu isso? Em Mystery City, um lugar sujo e perigoso, mas que também é uma cidade cosmopolita, viva, vibrante e cheia de quebra-cabeças.

Adventure brasileiro para MSX2 e ZX Spectrum Next | Revista Clube MSX

Construído com o motor DAAD, o jogo utiliza sintaxe simples baseada na lógica de duas ou três palavras, como ABRIR PORTA. Se o usuário se sentir confuso, ele pode digitar a qualquer momento o comando: TOMAR NOTAS. O jogo apresentará seu progresso e uma visão geral básica de como jogá-lo.

Adventure brasileiro para MSX2 e ZX Spectrum Next | Revista Clube MSX

Mystery City pode ser baixado aqui. O autor não descarta uma edição física do jogo. Destaque para o belo manual (em formato PDF) que acompanha a versão digital.

Adventure brasileiro para MSX2 e ZX Spectrum Next | Revista Clube MSX

EM TEMPO:

Garanta a mais nova edição da revista Clube MSX